Quinta-feira, 19 de Junho de 2008

Em grande no Maxime

Chegou o verão e as festas também. Ontem, o Maxime foi palco de mais uma acção de solidariedade do Ciclo de Concertos "Dar a Voz pelos Direitos Humanos" organizado pela Associação de Defesa dos Direitos Humanos - ADDHU (http://www.addhu.org).

 

O Bonga, Vera Cruz, Sabores de África entre outros artistas animaram e cumpriram a promessa de uma grande noite africana.

E o SAPO Cabo Verde fez questão de se juntar a esta festa da comunidade Africana.

 

 

 

A abertura foi feita  pelo Grupo Sabores de África com as suas danças tribais.

Sabores de África  é um grupo de dança que se formou através de um projecto social no Bairro 6 de Maio. Constituído por crianças oriundas de Cabo-Verde e Angola, com idades entre os 10 e os 12 anos, o grupo apresenta danças tradicionais africanas, independentemente da sua nacionalidade.

O objectivo é dar a conhecer ao público a sua capacidade rítmica e contagiá-lo com ela.

 

 

Seguiu-se Vera Cruz, cantora e compositora cabo-verdiana que presentiou o público com a sua bela voz e músicas que nos fazem sentir em Cabo-Verde.

Tem um estilo musical próprio, com ritmos dançantes e uma bela presença em palco.

 

 

 

As actuações terminaram com a presença inconfundível de Bonga.

Bonga cria uma genial fusão entre a sua pessoa e a música de Angola, tornando-as indissociáveis e tendo como maior estandarte o Semba, um ritmo tradicional angolano correspondente ao samba brasileiro, mas percursor deste.

A sua música consegue ser tanto mordaz e incisiva como terna e nostálgica.

Bonga tem sabido manter a coerência e a qualidade musical em mais de 30 anos de carreira e vivendo fora do seu país.

Com mais de 300 composições da sua autoria, 32 albuns, 6 video-clips, 7 bandas sonoras de filmes, e álbuns com inúmeras reedições em todo mundo, revela um percurso exemplar. Os seus temas têm sido interpretados por ilustres artistas como no Brasil Martinho da Vila, Alcione e Elsa Soares, em França, Mimi Lorca, no Zaire, Bovic Bondo Gala, no Uruguai, Heltor Numa de Morais, e grande parte dos artistas angolanos da nova vaga.

Bonga é incontestavelmente uma referência obrigatória e uma peça nuclear da cultura africana, criando através da sua obra musical o melhor cartão de visita, além fronteiras, da música angolana.

 

 

 

 

A multiculturalidade e o gosto pelos ritmos africanos que está cada vez mais em voga na União Europeia foi também  aqui comprovada com a presença de turistas e/ou residentes de diversas nacionalidades.

 

 

 

 

 

 

 

 

Veja todas estas e as restantes fotos em http://fotos.sapo.cv/cabo_verde/playview/25

E digam-nos o que acharam da festa ou caso não tenham ido digam-nos o que acham que perderam

sinto-me:
música: Mariquinha vem comigo pra Angola
publicado por SAPO Cabo Verde às 13:47

editado por Treza! em 11/08/2008 às 00:58
link do post | comentar | favorito

pesquisar

 

pub

tags

todas as tags

subscrever

fotos.sapo.cv

feedback

Uma preciosa ajuda para financiamento e sucesso da...
Este tipo de iniciativas é de valoriza e de repeti...
passaro de fogo   ccorreia87@hotmail.com &nbs...
a resposta é : «Pássaro de Fogo». Lenira, arinel-1...
Artistas de Cabo Verde: Nancy Vieira Manuel de Can...

posts recentes

Em grande no Maxime

arquivo

autores

blogs SAPO